segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

Agora, a luz que brilha ...



"Agora, a luz que brilha acima do firmamento - impregnando todos os espaços, em todos os lugares, tanto abaixo quanto nos confins dos mundos - é também a luz que brilha dentro do ser humano."

sábado, 26 de fevereiro de 2011

...



"Ao colocar a mão em um córrego,
você toca no que acabou de ir embora
e o que está se aproximando"

sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

E, enquanto alguns os vêem como loucos ...



"Aqui estão os loucos. Os desajustados. Os rebeldes. Os criadores de caso. Os pinos redondos nos buracos quadrados. Aqueles que vêem as coisas de forma diferente. Eles não curtem regras. E não respeitam o status quo. Você pode citá-los, discordar deles, glorificá-los ou caluniá-los. Mas a única coisa que você não pode fazer é ignorá-los. Porque eles mudam as coisas. Empurram a raça humana para a frente. E, enquanto alguns os vêem como loucos, nós os vemos como geniais. Porque as pessoas loucas o bastante para acreditar que podem mudar o mundo, são as que o mudam."

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Trabalhando ou se divertindo?


"O Mestre na arte da vida faz pouca distinção entre o seu trabalho e o seu lazer, entre a sua mente e o seu corpo, entre a sua educação e a sua recreação, entre o seu amor e a sua religião. Ele dificilmente sabe distinguir um corpo do outro. Ele simplesmente persegue sua visão de excelência em tudo que faz, deixando para os outros a decisão de saber se está trabalhando ou se divertindo. Ele acha que está sempre fazendo as duas coisas simultaneamente."

segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Estamos indo de volta pra casa...



"Mesmo com tantos motivos pra deixar tudo como está.
Nem desistir, nem tentar agora tanto faz,
estamos indo de volta pra casa..."

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Você precisa observar as pessoas ...


"É difícil, não dá para planejar, você precisa observar as pessoas, ficar de olho nelas e protegê-las. Nem sempre a gente sabe o que precisa. É a grande chance de consertar uma coisa que não seja a sua bicicleta. Dá para consertar uma pessoa."

quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Lemos e escrevemos ...


"Não lemos e escrevemos poesia porque é bonitinho.
Lemos e escrevemos poesia porque somos membros da raça humana
e a raça humana está repleta de paixão.
E medicina, advocacia, administração e engenharia,
são objetivos nobres e necessários para manter-se vivo.
Mas a poesia, beleza, romance, amor... é para isso que vivemos."

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Se eu pudesse acreditar ...


"Se eu pudesse acreditar que envelhecerei na busca e na mudança - disse Rhoda -, estaria livre do meu medo: nada persiste. Um momento não leva a outro. A porta abre e o tigre salta. Vocês não me viram chegar. Circulei em torno das cadeiras para evitar o horror do salto. Tenho medo de todos vocês. Tenho medo do choque da sensação que salta sobre mim porque não posso lidar com ela como vocês - não posso fazer um momento fundir-se no outro. Para mim são todos violentos; todos apartados; e se eu cair ao impacto do salto do momento, vocês estarão sobre mim, fazendo-me em pedaços. Não tenho um fim em vista. Não sei como correr de minuto a minuto, hora a hora, dissolvendo-os por uma força natural até que formem a massa inteira e indivisível que vocês chamam vida. Porque vocês têm um fim em vista - é uma pessoa ao lado de quem sentar, é uma idéia, é a beleza? Não sei - seus dias e horas passam assim como a ramaria de árvores e o macio verde da floresta para um cão disparando atrás de um faro. Mas não há um só odor, um só corpo que eu possa seguir. E não tenho rosto. Sou como a espuma que corre pela praia ou o luar que despenca como uma seta sobre uma vasilha de estanho, sobre uma espiga de azevim-do-mar, sobre um osso ou um barco meio carcomido. Sou levada em redemoinhos por cavernas, adejo como papel por corredores intermináveis, preciso comprimir minha mão na parede para me conter.- Mas, como acima de tudo desejo abrigo, finjo ter um fim em vista, quando subo lentamente as escadas atrás de Jinny e Susan. Puxo minhas meias tal como as vejo puxarem as suas. Espero que falem, depois falo da mesma maneira. Sou impelida através de Londres para determinado ponto, determinado lugar, não para ver você, nem você, mas para acender meu fogo no incêndio geral de vocês, que vivem inteiros, indivisíveis, sem se importar."

terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

...



“A vida não é curta. Ao contrário, a vida é muito longa”.

segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Ame a vida como ela!


"E percebo que não importa onde eu esteja, seja em um quartinho repleto de idéias ou nesse universo infinito de estrelas e montanhas, tudo está na minha mente. Não há necessidade de solidão. Por isso, ame a vida como ela é e não forme idéias preconcebidas de espécie alguma em sua mente".

domingo, 13 de fevereiro de 2011

Paixão pelos Peanuts!


THE DOCTOR IS IN!

Eu só confio nas pessoas loucas!



"Eu só confio nas pessoas loucas,
aquelas que são loucas pra viver,
loucas para falar,
loucas para serem salvas,
desejosas de tudo ao mesmo tempo,
que nunca bocejam ou dizem uma coisa corriqueira,
mas queimam, queimam, queimam,
como fabulosas velas amarelas romanas explodindo
como aranhas através das estrelas."

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

Verdadeira felicidade ...


"Para se ter boa saúde, para trazer a verdadeira felicidade a família, para trazer paz a todos, deve-se disciplinar e controlar a própria mente. Se um homem puder controlar a mente, poder encontrar o caminho da Iluminação, e toda sabedoria e virtude a ele virá com naturalidade."

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Valorizar cada momento ...




"A pessoa que não pode viver significativamente hoje não o pode esperar levar uma vida brilhante amanhã . Não importando que grandes planos a pessoa possa fazer, se não valorizar cada momento, será o exatamente como muitos castelos no ar. Todas as causas no passado e todos os efeitos no futuro estão condensados dentro do momento presente da vida. Se melhoramos ou não o nosso estado de vida neste momento, determinar se podemos expiar as maldades que causamos desde o infinito passado e se seremos capazes de acumular a boa sorte que permanecer por toda a eternidade."

Você pode sorrir vitorioso ...


"Não importa qual seja o seu caso particular, isto é, as causas e peculiaridades de seus incômodos, o YOGA contribuirá para maior êxito dos esforços de seu médico ou psicólogo.

No fim desta estrada, você se deslumbrará com o horizonte que há tanto andava buscando. Ela terminará lá em cima, de onde você pode sorrir vitorioso por ter saído do vale escuro da angústia. Lá existem luz, felicidade e paz a seu dispor. Você verá o nascer do sol e o sol será seu. Nunca mais a penumbra. Nunca mais os grilhões da intranqüilidade e do desânimo. Nunca mais o medo lançará suas macabras redes sobre sua cabeça.

Você poderá dormir sono profundo depois de tantas lutas, até agora frustradas. você poderá sentar-se tranqüilo, sem pressa e sorrir liberto. Você poderá jogar fora as drogas psicotrópicas a que tem infrutífera e obsessivamente recorrido."


Fonte: Andrade Filho, Jose Hermogenes de. YOGA para nervosos: aprenda a administrar seu estresse. Nova Era, 2005.

terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

A new beginning ...



Who gets to determine when the old ends and the new begins? It’s not on the calendar, it’s not a birthday, it’s not a new year, it’s an event —big or small, something that changes us, ideally it gives us hope, a new way of living and looking at the world, letting go of old habits, old memories. What's important is that we never stop believing we can have a new beginning, but it's also important to remember amid all the crap are a few things really worth holding on to.

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Ouça ...


Não é necessário sair de casa.
Permaneça em sua mesa e ouça.
Não apenas ouça, mas espere.
Não apenas espere, mas fique sozinho em silêncio.
Então o mundo se apresentará desmascarado.
Em êxtase, se dobrará sobre os seus pés.

domingo, 6 de fevereiro de 2011

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Respirar fundo... e manter a calma!




Mesmo quando tudo pede
Um pouco mais de calma
Até quando o corpo pede
Um pouco mais de alma
A vida não pára…

Enquanto o tempo
Acelera e pede pressa
Eu me recuso faço hora
Vou na valsa
A vida é tão rara…

Enquanto todo mundo
Espera a cura do mal
E a loucura finge
Que isso tudo é normal
Eu finjo ter paciência…

O mundo vai girando
Cada vez mais veloz
A gente espera do mundo
E o mundo espera de nós
Um pouco mais de paciência…

Será que é tempo
Que lhe falta prá perceber?
Será que temos esse tempo
Prá perder?
E quem quer saber?
A vida é tão rara
Tão rara…

Mesmo quando tudo pede
Um pouco mais de calma
Mesmo quando o corpo pede
Um pouco mais de alma
Eu sei, a vida não pára
A vida não pára não…

Será que é tempo
Que lhe falta prá perceber?
Será que temos esse tempo
Prá perder?
E quem quer saber?
A vida é tão rara
Tão rara…
Mesmo quando tudo pede
Um pouco mais de calma
Até quando o corpo pede
Um pouco mais de alma
Eu sei, a vida não pára
A vida não pára não…

A vida não pára…

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

Não sinto nada mais ou menos ...


"Não sinto nada mais ou menos, ou eu gosto ou não gosto. Não sei sentir em doses homeopáticas. Preciso e gosto de intensidade, mesmo que ela seja ilusória e se não for assim, prefiro que não seja. Não me apetece viver histórias medíocres, paixões não correspondidas e pessoas água com açúcar. Não sei brincar e ser café com leite. Só quero na minha vida gente que transpire adrenalina de alguma forma, que tenha coragem suficiente pra me dizer o que sente antes, durante e depois ou que invente boas estórias caso não possa vivê-las. Porque eu acho sempre muitas coisas - porque tenho uma mente fértil e delirante - e porque posso achar errado - e ter que me desculpar - e detesto pedir desculpas embora o faça sem dificuldade se me provarem que eu estraguei tudo achando o que não devia. Quero grandes histórias e estórias; quero o amor e o ódio; quero o mais, o demais ou o nada. Não me importa o que é de verdade ou o que é mentira, mas tem que me convencer, extrair o máximo do meu prazer e me fazer crêr que é para sempre quando eu digo convicto que "nada é para sempre."

quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

Onde leva? Não perguntes, segue-o.



"Ninguém pode construir em teu lugar
as pontes que precisarás passar,
para atravessar o rio da vida

-ninguém, exceto tu, só tu.

Existem, por certo, atalhos sem números,
e pontes, e semideuses que se oferecerão
para levar-te além do rio;
mas isso te custaria a tua própria pessoa;
tu te hipotecarias e te perderias.
Existe no mundo um único caminho
por onde só tu podes passar.

Onde leva? Não perguntes, segue-o."

terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Abra as asas linda menina!


"Linda menina abra as asas
Voe o mais alto que puder
Acredite você pode ir ainda mais alto
Feche os olhos, imagine-se
Nunca olhe para baixo
De a mão ao céu
Alcance o universo, almeje o infinito
Transpasse as barreiras da realidade
e siga seu coração."

Patience!



"Paciência e perseverança
tem o efeito mágico
de fazer as dificuldades
desaparecerem e os obstáculos sumirem."